Pular para o conteúdo principal

Trânsito de interior... nem tanto!


Voltei a dirigir há um ano. Anteriormente dirigi em uma cidade de 700.000 habitantes, de trânsito complicado, muitos ônibus pra lá e pra cá, congestionamentos, muitos pedestres, claro.
Neste período dirigia pouco, ia para o curso de informática à noite no centro da cidade, deixava o carro em estacionamento pago, voltava pra casa.
Quando ia ao supermercado, ia com o marido, que ia dirigindo.
Agora que voltei a dirigir, porque quis voltar, porque senti necessidade de maior independência, bem como de poder ir e voltar aos lugares, sem ter que ficar mais de uma hora no ponto de ônibus em pé, contando os outros ônibus, ouvindo histórias da vida alheia, fofocas do bairro, etc.
Mudei, claro, de cidade, percebe-se pela rotina no ponto de ônibus e pela demora dos coletivos. Uma cidade bem menor, mas considerada de médio porte.
Aqui o trânsito é complicado em alguns horários: de manhã, no final da tarde, no horário do almoço, pois as pessoas vão almoçar em casa e voltam. Há algumas ruas, onde o tráfego é mais complicado.
Tenho observado muito o comportamento dos motoristas  ao volante, porque preciso dirigir por mim e pelos outros.
Tenho visto de tudo:
- gente que dirige falando ao celular;
- gente que não usa seta para indicar em que rua vai entrar ou onde vai estacionar, ou se está saindo do local onde ficou estacionado;
- gente que faz retorno proibido;
- andar à noite sem uma lanterna acesa, ou seja, totalmente às escuras: sem farol, sem seta, sem nada!
- estacionar em vaga de idoso (sem ser idoso).
Além destas clássicas, tem uma nova: estacionar na zona azul e não pagar o estacionamento, porque não sabia que era cobrado! Esta situação vi uma vez, logo que implantaram o sistema.
Tem uma avenida da cidade, ontem tem um semáforo em frente a um grande supermercado, abaixo do semáforo uma lombada bem larga e uma faixa de pedestres. O semáforo é acionado pelo pedestre. Adivinhem o que mais acontece neste lugar? Você sabe?
Então envie sua resposta pelo COMENTÁRIO abaixo desta postagem. Ficarei feliz em ler as participações! 

Comentários

Ynot Nosirrah disse…
Deve haver sempre alguém parando o carro sobre a faixa, como em todo lugar acontece. As cidades do interior estão mais parecidas com as capitais. Estou preparando uma postagem sobre esse tema.

Postagens mais visitadas deste blog

Dicas sobre provas para eliminação de matérias e ENCCEJA E ENEM

Escrevi uma postagem com dicas para concurseiros de primeira viagem, mas analisando os atendimentos diários que faço no meu trabalho, pensei em escrever outro(s) texto(s) com dicas ou orientações sobre outros assuntos, pois mesmo com tanta informação disponível, as pessoas continuam sem conhecimentos básicos, que podem ajudá-las a resolver problemas simples do seu cotidiano, que vão desde onde procurar a informação, como também onde cobrar seus direitos.
Para começar esta série de textos, vou falar um pouco das provas para eliminação de matérias. As pessoas buscam muito este tipo de avaliação, na qual, desde que atinjam as médias, eliminam todo o ensino fundamental ou todo o ensino médio.
Para quem pretende eliminar o ensino fundamental - Ciclo II (antigo ginásio, 5ª a 8ª série, 6º ao 9º ano atualmente) poderá fazê-lo por meio do Encceja, que é uma avaliação de eliminação de matérias, ou seja, o candidato pode ir eliminando áreas (Linguagens e Códigos, Ciências da Natureza, Ciências Hum…

ENCCEJA 2017 – ELIMINAÇÃO DE MATÉRIAS – CONCLUSÃO ENSINO FUNDAMENTAL – CONCLUSÃO DO ENSINO MÉDIO

Se este texto for útil para você, deixe seu comentário, dizendo se gostou, como encontrou este blog.

Se você precisa concluir o Ensino #Fundamental ou Ensino #Médio, não tem condições de frequentar a escola, tem 15  ou 18 anos, poderá se inscrever para as provas do #Encceja, que o MEC voltará a aplicar neste ano. Por meio desta prova você pode obter a #conclusão do Ensino Fundamental ou Ensino Médio, ou ainda, eliminar as matérias, nas quais conseguir acertar ao menos 50% das questões em cada área, inclusive na redação. Importante salientar, que a partir deste ano o #Enem deixará de servir para certificação do Ensino Médio, portanto se você precisa concluir o Ensino Médio aproveite e faça o #Encceja2017. Outra informação muito importante, para quem reside no Estado de São Paulo, é que após realizar a prova do encceja e não passar em todas as áreas, poderá procurar, a qualquer momento, um dos CEEJAS existentes. O CEEJA é uma Centro de Educação de Jovens e Adultos, que é um projeto, cuja fr…

Documentos escolares: onde encontrá-los?

Muito já se falou a respeito da internet. Que é uma boa ferramenta. Que é perigosa, em especial para crianças, que ainda não têm senso para perceber o perigo. Além disto, já se falou também da infinidade de informações que temos acesso pela net. Vamos falar, neste texto, deste último ponto. Como ter acesso a esta infinidade de informações, chegando até a informação que se deseja. Por meio deste blog, sempre recebo perguntas de internautas sobre alguns textos, alguns assuntos, que abordei em outras postagens, pedindo maiores informações. Ontem recebi um destes questionamentos, que pedia mais informações sobre o CEEJA. Deste questionamento surgiu a ideia desta postagem. Como a pergunta era relacionada à Educação, irei tratar, nesta postagem, disto... Onde conseguir maiores informações a respeito de: escolas, históricos, documentos antigos, etc... etc... Vou focar, nesta postagem, as informações relacionadas ao Estado de São Paulo, pois cada Estado da Federação tem uma Secretaria de Educação…