Medidas para melhorar o Meio ambiente e as sacolinhas plásticas

Recentemente foram iniciadas no país todo campanhas contra as sacolinhas plásticas, que, até então, eram distribuídas nos supermercados, lojas, farmácias, etc. Nos supermercados serviam para armazenar nossas compras, chegando as nossas residências serviam para os mais diversos usos, um deles a embalagem do lixo.

Houve um prazo inicial para acabar com a distribuição, depois  o prazo foi postergado. Agora nos supermercados, até mesmo em lanchonetes, não são mais distribuídas as sacolinhas. Muitas pessoas já internalizaram o novo hábito, levam sua sacola retornável ao mercado, onde há diversas opções de sacolas à venda.

Não sou contra a que isto aconteça, mas acredito que caibam algumas reflexões. Se o intuito é cuidar do meio ambiente, o que os municípios brasileiros estão fazendo para acabar com os lixões?  Está sendo implantada em todo o território das cidades a coleta seletiva? O esgoto de toda a cidade é coletado e tratado?

Eu morava em uma cidade de grande porte, onde havia um aterro sanitário, cooperativas  de coletores que eram beneficiadas com a coleta seletiva, que acontecia duas vezes por semana em toda a cidade, projetos educacionais relacionados à preservação do meio ambiente em órgãos municipais, como o viveiro de mudas, serviço de água e esgoto, aterro sanitário.

Atualmente moro em um município menor, mas que também, como todos os outros, aderiu, por força de lei, à campanha das sacolinhas, entretanto na cidade não há coleta seletiva implantada na cidade, as cooperativas de coletores não dão conta de coletar o lixo, mesmo que você separe, tenha uma boa quantidade, eles não retiram. Os coletores que passam de porta em porta, não coletam tudo que você separa, querem somente os materiais mais caros, como as latinhas de alumínio. Já separei materiais durante muito tempo, deixei-os limpos, armazenados em um cômodo ocioso da casa... Arrumei um grande problema, pois a cooperativa existente veio buscar somente uma vez, na outra liguei, agendei, ninguém apareceu. Coletores que passaram no bairro? Marquei com uns três ou quatro em diferentes dias e horários... nenhum apareceu... Conclusão: fomos descartando aos poucos no lixo normal.

Nesta cidade há um lixão enorme, cujo volume só aumenta. Fica fora do perímetro urbano, mas é uma verdadeira montanha, que só tende a aumentar devido a falta da coleta seletiva na cidade.

Este é só um exemplo, mas tenho certeza que na maioria dos municípios do Brasil, o panorama não seja muito diferente.

Isto posto, retomo minhas perguntas...  quem se habilita a respondê-las?

Comentários