Mulheres plurais

As mulheres que conheci, continuo conhecendo, não são super heroínas, não vestem roupas coladas, não usam capas, não são “femmes fatales”.
As mulheres que conheci, que me inspiraram, são mulheres normais, que trabalham, são mães, tias, filhas. Conseguem conciliar todas as mulheres, que vivem dentro delas, multiplicam-nas no cotidiano para atender as inúmeras tarefas.
A primeira delas, minha mãe, sobre quem já falei, aqui neste blog, em outro texto “Minha mãe, minha heroína”.
A segunda, não menos importante, uma tia queridíssima, amiga, que me apoiou em diversos e difíceis momentos de minha vida. A quem também pude apoiar, ensinar um pouco do que eu sabia na época, para que ela pudesse descobrir uma nova ocupação. Tornou-se uma excelente artesã! Seu nome? Leonor.
Conheci muitas mulheres durante minha vida profissional, continuo conhecendo. Para não ser injusta prefiro falar aqui daquelas com as quais não convivo mais. Mas tenho muitos exemplos, se fosse falar de todas, precisaria de mais tempo, mais dias da mulher...
Conheci, entre tantas, uma Diretora com a qual fui trabalhar, por minha opção, por ter ouvido, muito, falar do trabalho, da seriedade, competência e honestidade dela. Tudo que tinha ouvido falar, se confirmou. Aprendi muito com ela! Ela me apoiou muito, pois eu havia assumido uma função, na qual nunca tinha atuado. Bernardete, exemplo de Profissional, Mãe, Mulher, Irmã!
Também conheci a Cimone. Assim, com C. Também Diretora. Em nada fica devendo às qualidades que apontei para a Bernardete. Cimone, mulher forte, de garra. Uma Diretora que marcou a vida de muitos alunos, professores e funcionários. Aprendi muito no período em que pude trabalhar ao lado dela.
Conheci também a Vera. Foi minha coordenadora por um tempo. Competente, forte, inteligente. Uma mãe que, jovem, precisou assumir a família. Na Coordenação de uma escola, onde ficou por bastante tempo, se tornou referência, em especial, para os alunos.
Com cada uma destas mulheres vou buscando aprender, me inspirar, levar um pouco do muito que ensinam. Ensinam com palavras, com gestos, com exemplos.
A estas mulheres especiais, amigas, agradeço! Desejo um feliz dia da Mulher, neste dia 08/03. Desejo 365 dias da Mulher para vocês, mulheres, amigas, plurais: Anas (Cardoso, a minha cunhada e a minha sobrinha), Carolina, Clotildes, Denises (A. e B.), Elianes (Finanças e a minha sobrinha), Elaines (Protocolo e a Supervisora), Elisa, Gabriela, Janete, Jéssica, Judite, Leias (Finanças e NPE), Leonores (a Tia querida e a minha prima), Luzias (Supervisora e a minha amiga de muitos anos, a Passarello), Magali, Márcias (Supervisora, a do NPE e as de Santo André: a Balthazar e a Fortes), Maria Eduarda, Priscilla, Reginas (L. e B.), Rosa (a Marisa), Rosana, Rosilene, Roseni, Solange (a Bailão), Terezinhas (Finanças e a minha cunhada),  Veras, Vitória.


Comentários