Postagens

Mostrando postagens de Novembro, 2012

Vida e morte

Acabo de ouvir na TV, que morreu Joelmir Beting. Acabei lembrando, que ontem, enquanto conversava com algumas pessoas, listávamos os famosos que estão doentes, na UTI, se recuperando, ou ainda aqueles que assistimos na telinha, nas novelas, filmes, estão idosos, vivendo os problemas próprios desta idade. Mas tudo isto, em especial, a morte me toca muito! Sou daquelas pessoas, que não se conformam muito em envelhecer, morrer. Neste processo, vemos nosso corpo mudando, dando sinais, indicando que alguns desgastes estão acontecendo. Uma vez ouvi um palestrante falar que, a partir dos 30 anos, lembramos que temos joelhos, coluna, cabeça, pernas, pés... É isto! Passamos a ter mais consciência do nosso corpo, de cada membro, cada músculo, vamos nos enxergando, nos analisando, nos observando mais detidamente! Mas pior que a morte natural, causada por doenças, envelhecimento, idade avançada, é a morte provocada. Aquela que tira do convívio da família jovens, filhos, irmãos, pais, amigos. Esta s…

Anúncios de empregos: erros absurdos

Imagem
Já escrevi um texto falando dos absurdos que lemos diariamente na internet, até mesmo em sites de empresas, que em tese deveriam se preocupar em não cometer erros grosseiros para não manchar a imagem. Hoje lendo alguns anúncios de empregos em um site local, mas que além de anúncios de vagas de empregos, presta outros serviços, vi  um anúncio, no mínimo, curioso! Como você, candidato a uma vaga de emprego, imagina que tenha que entregar seu currículo? Quais as formas para fazer isto? Acredito que possa ser pelo correio tradicional. Você colocaria seu currículo em um envelope, iria até a agência dos correios mais próxima, postaria sua correspondência para a empresa. Outra forma seria dirigir-se até a empresa ou a agência de recursos humanos e entregar o documento pessoalmente. Uma outra forma mais moderna e rápida seria anexar o documento a uma mensagem de e-mail e enviá-la para o endereço eletrônico da empresa contratante. Você conhece mais alguma forma? Eu não, mas neste anúncio de jornal …

Dicas sobre provas para eliminação de matérias e ENCCEJA E ENEM - parte 2

Há algum tempo escrevi um texto, o primeiro, com o mesmo título deste, que retomo agora. Uma das frases finais daquele texto foi "Ninguém irá avisá-lo a respeito de inscrição, prazos, nada!". Esta frase era um alerta, pois é sempre interessante receber uma ajuda, orientação de alguém que vê certos problemas acontecerem diariamente. Nesta prova do ENCCEJA, que aconteceu recentemente, dia 21 de outubro, novamente candidatos perderam a prova, acredito que por diversos motivos. Um deles é a falta de atenção às informações, que são fornecidas aos candidatos inscritos. Para quem se inscreveu nos primeiros dias, imprimiu o cartão de informações, mas nele a data da prova era outra, porém havia um alerta, abaixo desta data, lembrando que a data poderia sofrer alterações, portanto o candidato deveria ficar atento e retornar ao site... e acompanhar a inscrição e novas informações. Houve candidato que não se ateve, ou nem leu isto, simplesmente guardou o papel e retomou-o na data previst…

Realizações especiais

Neste ano também me coloquei algumas metas para realizar, mas mais que as metas, que envolvem minha vida profissional, queria realizar ações que fizessem algumas pessoas mais felizes. Me programei para levar minha sobrinha adolescente para alguns eventos, que eu sei que ela gosta, mais do que os eventos estar com ela é um grande presente para mim. Fomos juntas a uma saída fotográfica, pois ela gosta, ama, fotografia e eu também. Foi um dia lindo, que rendeu ótimas fotos, além da alegria que sentimos! Em agosto fomos à Bienal do Livro. Ambas gostamos muito de ler. Minha sobrinha é uma leitora inveterada desde a infância, quando começou a ganhar seus primeiros livros. Não parou mais de ler, nem de adquirir livros. Tem sua pequena biblioteca! Recentemente fomos à Exposição Elvis Experience. Foi muito bom. Visitamos toda a exposição. Descobri o quanto minha sobrinha é fã do Elvis, acho que mais que eu. Ela se emocionou muito, durante todo o trajeto da Exposição. No início do ano visitamos, pel…