Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Maio, 2011

Atendimento pelo IAMSPE em Botucatu

Funcionários públicos, pagantes mensais do IAMSPE, que tentam marcar consultas com determinadas especialidades na Unesp de Botucatu não conseguem! Não adianta ligar diversas vezes, em meses distintos, porque ouvirá sempre a mesma resposta: NÃO HÁ VAGAS PARA NOVOS PACIENTES; O(S) MÉDICO(S) TÊM UMA COTA MENSAL DE ATENDIMENTOS E NÃO ATENDEM ALÉM DISTO. Entre estas especialidades podemos citar: neurologia, reumatologia. No primeiro caso há o neuro, mas a fala é a escrita acima em letras garrafais. NO caso do reumato, a fala é “HAVIA SOMENTE UM ESPECIALISTA, QUE NÃO ESTÁ MAIS NA UNESP”. Estamos falando da melhor Universidade de Medicina do País (segundo os botucatuenses), que não dá conta de atender as necessidades de todos os pacientes, portanto criam-se COTAS, mas cotas que excluem, cotas que impedem que os pacientes tenham acesso ao sistema. Recentemente a mesma Faculdade assumiu gerenciar um Pronto Socorro na cidade... Não há dúvidas que a Unesp presta importantes serviços na área da saúd…

Como é difícil e penoso ser cidadão!

Temos um imóvel, em uma cidade de grande porte, cuja planta foi feita por arquiteta, construção foi feita atendendo ao contido na planta, recebemos o Habite-se. Nossa casa foi fruto de muito trabalho, muito suor, muita economia, muita luta. Não recebemos ajuda do Estado, nem da Prefeitura para NADA!!! Recebemos ajuda de alguns amigos e parentes, que ajudaram a bater as lajes, colocar ferros. Não ocupamos terreno, muito pelo contrário, compramos e pagamos em prestações abrindo mão de diversas coisas para termos este imóvel. Ninguém nos deu nada de mão beijada! Quando terminamos de construir, ficamos felizes com a conquista. A felicidade não durou muito!!! Havíamos colocado uma varanda sobre uma laje, cobertura da garagem. Muito rapidamente a Prefeitura começou a nos multar e a multar a arquiteta responsável pela construção. Aqui começou nosso calvário que já dura longos, longuíssimos, 5 anos. Contratamos uma empresa de arquitetura para colocar a casa em um processo de anistia aberto pela P…

Uma certa aluna

Hoje, fazendo uma faxina no meu computador, em especial na pasta de downloads, para onde vão todos aqueles documentos que baixamos da internet, achei um TCC de uma ex-aluna minha. Não, ela não foi minha aluna na Faculdade, nem no Ensino Médio. Ela foi minha aluna nos primeiros anos de minha carreira no magistério, em sala de aula, quando, professora iniciante, encontrava alunos de 5ª série, maioria vinha totalmente alfabetizada, eu tinha a tarefa de ensinar gramática, amor à leitura (realizei projetos de leitura por prazer!). Esta aluna em especial, moradora de uma favela bem conhecida em Santo André, filha de família humilde, trabalhadores, que ensinaram a ela o mais importante: o valor da Educação. Já na 5ª série lia os livros, que o pai, estudante do supletivo, estava lendo. Ela, era gordinha, os colegas até faziam gozações com ela, mas que ela tirava de letra. Sentava-se em uma das primeiras carteiras, sempre atenta, estudiosa, não faltava às aulas, já tinha sonhos profissionais: s…

Maestro João Carlos Martins e Orquestra emocionam botucatuenses

Ontem foi a apresentação, ao lado da Catedral de Santana, da Orquestra Bachiana (SESI-SP) e do Maestro João Carlos Martins em comemoração aos 60 anos da DURATEX e aos 156 anos da cidade dos Bons Ares, das Boas Escolas e das Boas Indústrias.
O espaço reservado para o evento lotou, não tenho idéia de quantas milhares de pessoas estavam ali, sentadas, em pé, filmando, gravando, fotografando, aplaudindo, se emocionando.
O programa teve obras de Beethoven, Brahms, Enio Moriconi (autor de músicas do filme Cinema Paradiso), Astor Piazzola, finalmente do Poetinha, Vinicius de Moraes, para encerrar com o povo cantando junto, sendo regido pelo Maestro, acompanhado pela Orquestra, que executou “Trem das onze”, popularíssima, do não menos popular ...
Mas pensam que o Maestro apenas regeu? Não. Ele nos presenteou com algumas músicas no piano, pois originalmente ele era um pianista, de renome internacional, mas foi obrigado a deixar de tocar este instrumento devido a uma doença, que enrijeceu seus ded…